O surgimento do cartão de crédito trouxe enormes vantagens para o setor comercial, ampliando e auxiliando o processo de compra e venda. Mas a facilidade também trouxe uma preocupação extra ao comerciante: como fazer o controle eficaz das vendas no cartão de crédito?

Se antes a preocupação do atendente era contar as notas e moedas para que o caixa fechasse ao final do dia, agora é necessária atenção redobrada no controle dos pagamentos feitos via cartão. Tudo para que não surja nenhuma surpresa desagradável no momento do crédito do valor na conta do empresário.

Para evitar estes sobressaltos e ter controle total da entrada de recebíveis, preparamos estas dicas para que você possa adotar em seu estabelecimento e tirar o máximo proveito do uso do cartão em seu negócio. Confira!

Guarde os comprovantes

Se antes era necessário contar o dinheiro, com o cartão a atenção deve ser redobrada com os comprovantes de pagamento. Para cada operação, guarde sua via para controle do caixa ao final do dia. Assim, você saberá exatamente quanto foi vendido por meio desta operação e saberá qual o valor que deverá ser creditado na sua conta pela operadora.

Faça a conferência

Não confie na sua intuição, achando que o valor está correto. Confira sempre cada comprovante para verificar se o valor cobrado do cliente no cartão de crédito coincide com o valor total das compras. Com a pressa do dia a dia, é natural que ocorram erros no momento de digitar o valor da compra, por isso confronte sempre se o valor está correto.

Conheça as taxas

A venda no cartão de crédito gera uma série de facilidades tanto ao cliente quanto ao empresário. Para que toda essa comodidade possa ocorrer sem qualquer erro, há uma complexa estrutura por trás da operação de cartões de crédito. E a manutenção disso tem seus custos, também conhecidas como taxas de operação.

Por isso, considere sempre as taxas na hora de fazer a contabilidade dos valores vendidos via cartão de crédito. Lembre-se que o valor final a receber já incluirá tal desconto e, por isso, não espere receber o valor integral quando creditado em sua conta.

Use um software de gestão

Uma das formas de facilitar o controle de vendas via cartão, é investir em tecnologia. Para isso, instale em seu comércio um software de gestão, que permitirá realizar a conferência de vendas e das taxas com mais facilidade.

Com o uso de um software, você pode cadastrar os cartões no sistema e já determinar a taxa de cada um, por bandeira e tipo de venda (à vista, parcelado etc.). Quando ocorrer a venda, o próprio sistema informará qual o valor líquido que retornará para sua conta.

Concilie os cartões

O uso de um software também permite que os cartões sejam conciliados, isto é, padroniza e gera fluxos de trabalhos que reduzem a zero a possibilidade de erros na cobrança e recebimento dos cartões.

Com um software de conciliação, ele buscará nos arquivos das operadoras quais vendas foram realizadas e quais taxas e tarifas serão cobradas sobre o valor total e o tipo de operação. Em tempo real, poderá apontar divergências de valores.

Como vimos até aqui, os cartões vieram para auxiliar e dinamizar as vendas em seu empreendimento, mas é necessário estar atento a alguns itens na hora de fechar o caixa. Além disso, faça ampla pesquisa sobre quais empresas oferecem soluções para que você possa usar o cartão de crédito e débito em seu estabelecimento.

No mercado, um dos destaques é a PagPop, que é referência ao permitir que o cliente possa pagar suas contas via cartão, smartphone ou boleto, com possibilidades de parcelamento em até 12 vezes no crédito.

Ela também possui diversos planos de antecipação dos créditos e está entre as melhores opções de custo x benefício do mercado. Entre em contato agora mesmo com a empresa e inicie as vendas no cartão de crédito em seu estabelecimento.

Escreva um comentário

Share This